Seminário sobre animais peçonhentos é marcado com inauguração de placa em homenagem à Vital Brazil

Muitos estudantes e pesquisadores acompanharam  Seminário “Animais Peçonhentos em Minas Gerais”, que aconteceu nos dias 10 e 11 de dezembro, na Fundação Ezequiel Dias (Funed), em Belo Horizonte (MG).

O Evento foi mais uma das comemorações aos 120 anos da soroterapia antiofídica e aos 150 anos do cientista mineiro Vital Brazil, descobridor da especificidade dos soros antipeçonentos, considerado um dos grandes avanços na história da medicina e das ciências. Na ocasião, uma placa, celebrando os dois acontecimentos, foi instalada e inaugurada na sede da Funed. Foi um momento de muita emoção para todos os presentes, que até hoje são inspirados pelo legado deixado por Vital Brazil acerca da soroterapia e de animais peçonhentos.

De acordo com Érico Brazil, presidente da Casa de Vital Brazil e membro da Rede Vital para o Brazil, esta homenagem faz de uma mobilização que inclui de diversas instituições que tem o compromisso com a soroterapia. A primeira placa foi inaugurada na França, no Museu de História natural de Paris. A Funed foi a primeira instituição brasileira a receber a placa – esta confeccionada pelo artista plástico Afonso Rocha – que é um o marco representativo em reconhecimento do trabalho dos cientistas considerados pioneiros nas pesquisas relacionadas à soroterapia antiofídica no Brasil e no mundo.

12376439_950876334992174_2790869218720026594_n

“Realizar este evento e homenagear Vital Brazil é uma honra e uma maneira de promover a união entre os pesquisadores de Minas Gerais e de todo o país”, disse Renato Fraga, presidente da Funed, durante a abertura do evento, que também contou com a presença do chefe da Divisão de Pesquisa do Centro de Produção e Pesquisa de Imunobiológicos (CPPI), João Carlos Minozzo; do diretor industrial da Funed Luiz Antônio Marinho; do diretor do Museu Biológico do Instituto Butantan, Giuseppe Puorto; do diretor científico do Instituto Vital Brazil, Cláudio Maurício de Souza; da representante Secretaria de Saúde de Minas Gerais, Adelaide Sales Bessa; e do representante do Ministério da Saúde, Ricardo Gadelha.

O evento também foi palco para o lançamento do Guia de Bolso “Animais Peçonhentos”, produzido pela Fundação Ezequiel Dias (Funed), em conjunto com diversos pesquisadores de Minas Gerais e o Conslho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

12310708_950890311657443_1688737371871322114_n

O guia ilustrado traz informações que visam facilitar o reconhecimento das espécies mais frequentemente encontradas em residências, sítios e fazendas, especialmente do estado de Minas Gerais, além de conter informações sobre história natural das espécies e medidas de primeiros socorros em caso de acidentes.

Anúncios
Esse post foi publicado em Notícias. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s